sexta-feira, 21 de novembro de 2014

"AMIZADE!"




                
AMIZADE

Palavra que nos aquece
Palavra que nos conforta
Palavra que nos alegra
Quando um amigo
Nos abre a porta
Para nos conformar
Para nos apoiar
Para dar um abraço
Uma palavra dizer
Seu ombro nos oferecer
Quando tudo parece entristecer…

Mas…
Com sua Amizade.
Tudo fica  mais suave
E a tristeza parece desvanecer…
Desaparecer?

Não!
Mas amaina a tristeza,
Alivia a dor e o coração!
É bom ter amigos
Poder contar com a sua
AMIZADE

 

    Maria da Cruz

                                Leiria, 20/11/14



          

sábado, 8 de novembro de 2014

domingo, 31 de agosto de 2014

"RUA DESERTA"




"RUA DESERTA"


Rua deserta... sem pessoas,
Sem flores, sem movimento,

Sem encanto...
Onde se esconderam?
Onde andam?
Mudaram de país?
Que procuram?
Talvez o que lhes faz falta…
Amor, Paz, Alegria…
Regressarão em breve…
Tudo tem seu fim…
Como é bom voltar…
Sim, voltar ao nosso cantinho
Ao nosso Lar, à nossa Casa…
Para tudo rever
E saudades matar…
É BOM PODER VOLTAR…

  Leiria, 31/08/2014


       Maria da Cruz








 
 

"DEGRAUS DA ESCADA"





“DEGRAUS DA ESCADA”

Sentada sem companhia
Nos seus degraus da escada
Estava uma velhinha pensando…
Pensando na vida de outrora,...
Pensando na vida de hoje…
Hoje, tudo é diferente…
Ontem, que já lá vai…
Seria melhor, seria pior…
Talvez, não sei!
Tempos passados, tempos antigos
De trabalho, de cansaço
Fadiga, miséria,
Pensava ela…
Hoje todos “vivem bem
Nada lhes falta…”
Eu, nos meus tempos de criança,
Contentava-me com muito pouco…
Brinquedos, ai… brinquedos…
Bolas e bonecas…feitas de trapos…
Saltar à corda, jogar às cinco pedrinhas…
Às donas de casa…
Não havia Telemóveis, Pcs, iPad
Rádio, telefonia…
Só os mais endinheirados!
Sim, era assim a vida de outros tempos.
Mas, apesar de tudo havia…
Ai isso havia!!!!
GRANDE AMOR E UNIÃO DE FAMÍLIA!
Leiria, 28/08/14
Maria da Cruz
 

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Candeeiro da Esquina

    


                                               "CANDEEIRO DA ESQUINA"

                                 
Candeeiro da esquina
Não te apagues, por favor!
Quero fazer - te um pedido:
-Deixa-me ver meu Amor!

 Não me deixes às escuras
Embora veja o luar
Pois meu amor me espera
E queremos namorar!

maria da cruz

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Dia de Emoções na "CASA DA COVA" - Bidoreira de Cima - Leiria

  

      "CASA DA COVA"


Foi na "CASA DA COVA " que meus sogros viveram mas depois de partirem a Casa foi adquirida pela Junta de Freguesia que hoje a aproveita com espaço cultural.
Durante os dias de festa, funciona uma exposição do pintor Artur Franco, residente em Leiria, e da pintora Gina Fernandes residente e natural da Bidoeira.
Quando me preparava para assistir ao desfile da Procissão, conversava com o Presidente da Junta de Freguesia quando ele me informou da exposição.
Claro que eu e meu marido fomos, com todo o gosto, mas muito emocionados ver os trabalhos dos dois artistas.
Nem tenho palavras para descrever o que senti, ao entrar na "CASA DA COVA" como hoje é conhecida na Bidoeira.
Casa onde eu ia visitar, conviver, falar e passar algum do meu tempo com os meus sogros.
Tanto eu como meu marido, embora comovidos, gostamos do que vimos e visitámos todas as divisões recordando em cada uma o tempo passado. "E TUDO O TEMPO LEVOU!"


















Festa da BIDOEIRA DE CIMA - Agosto de 2014














sábado, 23 de agosto de 2014

HÁ MUITO...

                            


                                 
HÁ…

Há muito que não escrevo…
Não escrevo por preguiça
Mas faz bem escrever
Passar para o papel
O que nos vai na alma
Alegrias, tristezas…
Tudo o que faz parte da vida
Bons e maus momentos
Recordar o tempo passado
Momentos da infância, adolescência
Pois o tempo tudo nos traz à memória…
Alegrias fazem-nos sorrir
Tristezas fazem-nos pensar
Por vezes, até uma lágrima cair…
Chorar… chorar… Chorar…
Mas ficamos com a alma aliviada
E o coração mais leve
Ficando preparado para novos momentos
De alegria, de tristeza e…
Melhor aguentar os embates da vida!
GOSTO MESMO DE ESCREVER!

                                   Leiria,23-08-2014

      maria da cruz

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Biblioteca da SEMPRAUDAZ - Associação Cultural - Leiria


COLAR




Também quis experimentar trabalhar com os elásticos da moda!
Minha neta Madalena me ensinou a fazer uma pulseira e quando cheguei a casa, quis experimentar fazer sem a presença dela, para testar as minhas capacidades... ver se conseguia sem ajuda...
E assim foi... comprei elásticos, agulha e fechos... a máquina um simples garfo...o resultado está aqui...
Um lindo colar para usar na praia ainda este ano!

quarta-feira, 4 de junho de 2014

sábado, 3 de maio de 2014

Moinhos que visitei

video



Há dias visitei a Serra do Sicó e passei por Santiago da Guarda, em Outeiro, para visitar os moinhos de vento, giratórios de arquitectura única.
Gostei... pois havia um onde estava o moleiro a trabalhar...